fbpx
Select Page
Coronavírus

Exército russo ajuda infetados em mina da Sibéria

Há pelo menos 400 trabalhadores infetados na maior mina de ouro da Rússia.

21 Maio, 2020 - 12:55

Mónica Machado

Um destacamento do Exército russo foi enviado para a Sibéria para ajudar na contenção da propagação de Covid-19 numa mina, na Rússia, onde estão mais de 400 trabalhadores que testaram positivo à doença.

De acordo com o ministro da Defesa russo, vai ser montado um hospital de campanha para os 2 mil trabalhadores da Mina de Olimpiada que vão ser submetidos a uma quarentena de 14 dias, em Krasnoiarsk.

O campo deverá receber os trabalhadores que estiveram em contacto com pessoas infetadas ou pessoas que se encontrem na zona de risco.

Recorde-se que na segunda-feira, as autoridades da Região de Krasnoiarsk estiveram a analisar a situação da maior mina de ouro que se transformou num dos maiores focos da doença no país, desde o início deste mês.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa