fbpx
Select Page
Coronavírus

Médica infetada com covid-19 deu à luz enquanto estava em coma

Gémeos nasceram no hospital Queen Elizabeth, em Birmingham, com 26 semanas.

19 Novembro, 2020 - 17:02

Record TV

Perpetual Uke, reumatologista no hospital Queen Elizabeth, em Birmingham, teve de ser internada após ter contraído o novo coronavírus.

A médica estava grávida e, com o agravamento da sua situação de saúde, os colegas do hospital decidiram colocá-la em coma e ligá-la a um ventilador.

Dado o estado clínico de Perpetual, os médicos optaram por realizar uma cesariana de urgência, tendo os bebés nascido às 26 semanas.

A reumatologista continuou em coma 15 dias após o nascimento dos filhos, Sochika Palmer e Osinachi Pascal.

Perpetual pensava que tinha tido um aborto quando acordou, mas imediatamente soube que estava tudo bem e regressou a casa um mês e meio depois do parto.

Os gémeos permaneceram no hospital durante 116 dias devido ao nascimento prematuro.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa