fbpx
Select Page
Coronavírus

Nove infetados em lar no distrito de Leiria

Também na Universidade do Minho, seis estudantes testaram positivo à covid-19.

15 Outubro, 2020 - 14:03

Vânia Mateus

Além destes surtos, há centenas de outros ativos de norte a sul do país. Ao final do dia de quarta-feira surgiu também a informação de que, num lar em Alvaiázere, no distrito de Leiria, sete utentes e dois funcionários testaram positivo à covid-19 e que num agrupamento escolar há mais dois casos confirmados, o que faz subir para 11 o total de pessoas infetadas no concelho.

Em comunicado, o município de Alvaiázere informou que no Lar da Associação da Casa do Povo de Maçãs de Dona Maria todos os funcionários e utentes estão a ser rastreados e que os resultados dos testes deverão ser conhecidos ainda durante o dia de hoje.

Já no que diz respeito aos dois alunos cohabitantes, que frequentam turmas diferentes da Escola Dr. Manuel Ribeiro Ferreira, estão em isolamento profilático.

Na próxima segunda-feira vai ser feito um rastreio a todos os alunos e pessoal docente e não docente relacionado com as duas turmas em causa.

Por sua vez, na Universidade do Minho, seis estudantes testaram positivo à covid-19. Os seis jovens encontram-se em isolamento profilático e, de acordo com a universidade, não há registo de surtos ou cadeia de contágio dentro da instituição.

A academia garante que, se todas as normas de segurança e recomendações das autoridades de saúde e da própria universidade forem cumpridas com rigor, não há motivos para alarme.

A Universidade do Minho refere que, sempre que há um caso positivo, o presidente do Conselho Pedagógico telefona à pessoa para se inteirar do estado, de forma a averiguar quais os espaços e atividades frequentados pelo aluno dentro da faculdade nas 48 horas anteriores ao aparecimento de eventuais sintomas.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa