fbpx
Select Page
Coronavírus

TAP vai despedir um total de 1.600 trabalhadores

Até agora, 1.200 pessoas já foram dispensadas. Pedro Nuno Santos anuncia que mais 400 sairão até ao final do ano.

16 Outubro, 2020 - 14:48

Eduarda Pires
Arquivo

Até ao final do ano, o grupo TAP vai dispensar um total de 1600 trabalhadores. O número foi avançado pelo Ministro das Infraestruturas, no Parlamento. Pedro Nuno Santos diz que não se pode manter emprego que depois não tem trabalho.

O ministro argumenta ainda que quatro rotas no Porto são um prejuízo para a companhia aérea, por não chegarem aos 50% de lotação.

As declarações motivaram já uma resposta irónica por parte de Rui Moreira. O autarca portuense desafia o Governo a acabar de vez com as ligações da Invicta, já que são elas a razão do prejuízo.

Moreira incita ainda o ministro a incorporar a TAP na Carris ou na Soflusa, empresas da esfera pública que só operam em Lisboa.

Recorde-se que até agora já 1.200 pessoas foram dispensadas da companhia aérea, maioritariamente detida pelo Estado. Significa que até dezembro, sairão mais 400, num total de 1.600.

mudança de hora

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa