Amber Heard quebra silêncio após derrota em tribunal

Amber Heard quebra silêncio após derrota em tribunal
REUTERS/Tom Brenner
PUB
Leaderboard - Pub CTT Western Union

Amber Heard disse que o ódio e sarcasmo que recebeu nas redes sociais não forneceu uma representação justa do caso.

Na primeira entrevista dada após o julgamento mediático com Johnny Depp, Amber Heard diz que “não leva a peito” a decisão do júri, não os culpando por acreditarem na inocência do ex-marido.

“Eles estiveram sentados a ouvir durante três semanas testemunhos ininterruptos e implacáveis de funcionários pagos e, no final do julgamento, de pessoas conhecidas (…) sobre como eu era uma pessoa não credível”, explicou Amber Heard que percebe por que razão foi o ex-marido a vencer o julgamento.

“Eu não os culpo. Eu entendo. Ele é uma personagem adorada, as pessoas sentem que o conhecem. Ele é um ator fantástico”, afirmou.

Apesar de dizer que entendeu a decisão a atriz aproveitou a ocasião para se defender dos ataques nas redes sociais. Heard acredita que a mensagem transmitida nas redes sociais sobre o julgamento e a sua pessoa não foram justas.

“Mas mesmo alguém que tem certeza de que eu mereço todo este ódio e sarcasmo, mesmo que penses que estou a mentir, tu ainda não me podes olhar nos olhos e dizer-me que achas que nas redes sociais houve uma representação justa. Não me podes dizer que achas que isso foi justo”, explicou a atriz.

De recordar que a campanha das redes sociais foi extremamente favorável a Johnny Depp, que foi ganhando popularidade ao longo das semanas de julgamento.