Ator de Riverdale condenado a prisão perpétua

Ator de Riverdale condenado a prisão perpétua

Jovem filmou-se a matar a própria mãe.

O ator Ryan Grantham, que integrou o elenco da série Riverdale, foi condenado a prisão perpétua.

O jovem, de 24 anos, filmou-se a matar a própria mãe.

O crime remonta a março de 2020. Ryan alvejou a mãe na nuca, quando esta tocava piano em casa, em Squamish, a norte de Vancouver, no Canadá. O homicídio foi filmado com uma câmara Go-Pro.

No dia seguinte, o jovem cobriu o corpo com um lençol, acendeu velas à volta do cadáver e colocou diversas armas e munições no carro, com o objetivo de se deslocar à capital para assassinar o primeiro-ministro, Justin Trudeau.

Após conduzir durante vários quilómetros, acabou por desistir e dirigir-se a uma esquadra, onde confessou ter matado a mãe.

Revelou ainda que planeava um ataque em massa na ponte Lions Gate ou na Universidade Simon Frases.

O tribunal condenou-o a pena de prisão perpétua, sem possibilidade de sair em liberdade condicional nos primeiros 14 anos.