Jogador agredido e assaltado na Argentina

Jogador agredido e assaltado na Argentina

Agustín Sandez estacionava o carro depois do jogo, quando foi surpreendido por um grupo de homens.

Tudo aconteceu depois da derrota do Boca Juniores diante do Patronato no passado domingo. Agustín Sandez estacionava o carro à porta de casa quando foi abordado pelos assaltantes e acabou mesmo por ser atingido na cabeça. O grupo colocou-se depois em fuga com todos os bens pessoais do defesa.

As câmaras de videovigilância do local captaram o momento do assalto que durou menos de um minuto.

Foi o próprio jogador quem deu conta do episódio nas redes sociais com uma publicação onde são visíveis os ferimentos no rosto.

De acordo com a imprensa argentina, foram detidas quatro jovens com idades entre os 15 e os 18 anos.