António Costa e Boris Johnson assinam acordo Pós-Brexit

António Costa e Boris Johnson assinam acordo Pós-Brexit
Reuters/ Aaron Chown
PUB

O documento renova aquela que é uma das mais antigas alianças do mundo, reforçando a cooperação em várias áreas, como a defesa, investigação, comércio, ciências e tecnologias.

Apesar da relação frágil entre Reino Unido e a União Europeia, o primeiro-ministro português diz que é necessário separar as águas e que este acordo não coloca em causa nem o Brexit nem as decisões da Comissão Europeia.

“Nós separamos as águas. A negociação entre a União Europeia e o Reino Unido é conduzida pela Comissão, e nós damos todo o apoio à Comissão”, afirmou o primeiro-ministro português.

Ainda assim, António Costa explicou que “dentro daquilo que são os acordos e as divergências no âmbito da União Europeia, há espaço para desenvolver o relacionamento bilateral”, assumindo que “não pode desperdiçar” a velha aliança luso-britânica.