fbpx
Select Page
Mundo

Cães conseguem detetar cancro do pulmão

Cães têm recetores olfativos 10 mil vezes mais precisos que os humanos.

14 Abril, 2019 - 09:00

Virginia Galván

Investigadores norte-americanos fizeram um estudo com quatro cães de raça beagle e concluíram que os cães têm a capacidade de detetar o cancro do pulmão. Esta raça conseguiu detetar, com 97% de precisão, tumores em amostras de sangue humano.

Os cães têm recetores olfativos 10 mil vezes mais precisos que os humanos. Heather Junqueira, principal investigadora da BioScentDx, que realizou o estudo, explicou que “apesar de, atualmente, não existir cura para o cancro, a deteção precoce oferece mais esperanças de sobrevivência”.

A cientista refere que “um teste altamente sensível para detetar o cancro poderia salvar milhares de vidas e mudar a forma como a doença é tratada”.

Os mesmos cães vão agora ser treinados para farejarem a presença de cancro do intestino, da mama e da próstata.

Advertisements

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa