fbpx
Select Page
Mundo

Capitã do navio humanitário Sea Watch foi libertada

Carola Rackete estava em prisão domiciliária desde sábado, quando atracou com 40 migrantes africanos no porto de Lampedusa.

3 Julho, 2019 - 11:29

Record TV
TILL M. EGEN/SEA-WATCH HANDOUT/EPA

A capitã do navio humanitário “Sea Watch 3” foi libertada, após a juíza Alessandra Vella decidir que não violou a lei ao atracar sem autorização na ilha italiana de Lampedusa e que não desobedeceu às ordens da polícia italiana.

A juíza diz que Carola Rackete não cometeu nenhum ato de violência e que apenas estava a cumprir o seu dever.

No entanto, a alemã de 31 anos pode ainda vir a ser acusada de auxílio à imigração ilegal.

Recorde-se que Carola foi detida no sábado depois de atracar o navio humanitário com 40 migrantes africanos no porto italiano de Lampedusa. Estava desde então em prisão domiciliária.

 

PUB

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa