fbpx
Select Page
Mundo

Detido lusodescendente suspeito de matar ex-namorada

O corpo de Valerie Reyes foi encontrado numa mala, à beira de uma estrada no Connecticut, EUA.

14 Fevereiro, 2019 - 13:03

Daniela Carrilho
DR

As autoridades norte-americanas acreditam ter detido o único responsável pelo homicídio da jovem de 24 anos.

Javier Enrique da Silva Rojas será um antigo namorado de Valerie, com quem manteve uma relação durante cerca de um ano.

De acordo com a CNN, Javier tem nacionalidade portuguesa e venezuelana.

De acordo com um comunicado da polícia de Greenwish, o suspeito foi detido em Nova Iorque, porque usou de forma fraudulenta o cartão de crédito da vítima.

Valerie desapareceu no dia 29 de janeiro, em New Rochelle. No dia anterior, telefonou à mãe dizendo que sentia que alguém a ia matar.

No dia 5 de fevereiro, o corpo da jovem foi encontrado dentro de uma mala. De acordo com a imprensa local, estava descalça, com a camisa desabotoada, a boca tapada, as mãos atadas aos pés.

A CNN cita documentos judiciais, nos quais pode ler-se que Javier confessou que atou o corpo e o abandonou dentro da mala. No entanto, em tribunal, garante que não teve intenção de a matar e a morte ocorreu depois da vítima bater com a cabeça durante um ato sexual entre ambos.

Javier está acusado de rapto e homicídio.

As causas oficiais da morte de Valerie não foram reveladas.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa