fbpx
Select Page
Mundo

Enrola corda ao pescoço de criança e viola-a durante 40 minutos

Homem foi condenado a prisão perpétua, na Austrália.

12 Fevereiro, 2020 - 11:44

Virginia Galván

Um homem violou uma menina de sete anos, num cenário de violência extrema, numa casa de banho de um estúdio de dança em Sydney, na Austrália.

Anthony Sampieri esmurrou a menina e arrastou-a para a casa de banho, sob ameaça de uma faca.

Depois, atou as mãos da menina, amarrou-lhe uma corda à volta do pescoço, pôs-lhe papel higiénico na boca para não gritar e violou-a durante 40 minutos enquanto filmava.

Quando saía da casa de banho, o violador foi confrontado com um homem que ajudava a família da menina a procurá-la.

Sampieri foi imobilizado pelo homem e justificou mais tarde, às autoridades, que os vestígios de sangue nos calções se deviam a ter estado a drogar-se na casa de banho.

O violador foi hoje condenado a prisão perpétua, no entanto, poderá não sobreviver para além dos cinco anos, uma vez que sofre de um cancro.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa