Filhos de José Eduardo dos Santos aceitam funeral em Angola mediante condições

Filhos de José Eduardo dos Santos aceitam funeral em Angola mediante condições
REUTERS/Herculano Coroado

Filhos do ex-presidente de Angola aceitaram que o funeral do pai seja realizado no país, mas com duas condições. 

Parece estar resolvido o conflito entre os filhos do ex-presidente angolano e o Governo de Angola. Os filhos de José Eduardo dos Santos comprometeram-se a colaborar na realização do funeral nacional do pai. 

No entanto, exigem que o funeral aconteça após as eleições de 24 de agosto e pedem ainda um mausoléu para acolher os restos mortais do pai. 

Através de uma carta à qual a agência Lusa teve acesso, Isabel José Filomeno “Zenu”, Joess, José Eduardo Paulino “Coreon Dú” e Welwitschea “Tchizé”, expressaram “profunda gratidão ao povo de Angola” e a todos os que partilham a sua tristeza e dor. Pediram ainda respeito pelo luto. 

“Seja qual for o resultado das próximas eleições, no futuro, nós, a família, junto das instituições e do Presidente eleito, colaboraremos na união da Nação e, a organizar com tempo necessário as condições para homenagem e o funeral nacional do Pai da Nação, o nosso pai, Eng. José Eduardo dos Santos, para que um dia este em dignidade e respeito descanse em paz na terra dos seus antepassados”, pode ler-se na carta assinada por cinco dos oito filhos.

José Eduardo dos Santos faleceu no passado dia 8 de julho em Barcelona.