fbpx
Select Page
Mundo

Homem corta mãos à mulher por ciúmes

Jovem mutilada colocou umas próteses biónicas, na Alemanha.

4 Julho, 2019 - 12:21

Record TV

Dimitry achava que a mulher o traía e, como punição, levou-a para uma floresta e cortou-lhe as mãos com um machado.

Em tribunal, Dimitry admitiu de forma explícita tudo o que fez à mulher: “Amarrei-lhe os braços com cordas, perto dos ombros. Obriguei-a a ajoelhar-se e ela estava a gritar. Enquanto lhe cortava as mãos, não tentou fugir, apenas caiu ao chão. Depois, arrastei-a até ao carro e não sei como é que ela ainda tinha os olhos abertos. Soube, desde o início, que teria de a levar ao hospital. Decidi fazer isto na véspera”.

Dimitry foi acusado dos crimes de tentativa de homicídio, rapto e ofensa à integridade física. O psicólogo de profissão foi condenado a 14 anos de prisão pelo tribunal de Serpukhov, em Moscovo.

Margarita, mais conhecida por Rita, colocou mãos biónicas, na Alemanha, e garante sentir-se melhor com as próteses, no entanto deseja “ser sexy novamente” .

“Sexualidade: como é que ela se manifesta? Depois da tragédia, achei que já não era bonita. Antes, era uma rapariga sem defeitos, mas agora não tenho uma mão e fiquei com imensas cicatrizes no braço e na perna esquerdos. Honestamente, ainda não aprendi a aceitar-me”, partilhou nas redes sociais.

Como forma de superar as dificuldades e receios, escreveu um livro sobre violência, com o auxílio da mãe, que é jornalista.

Rita, mãe de dois meninos, conta que os filhos a chamam “mãe transformer”, devido às próteses.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa