Investigação do caso Maddie termina este ano

Investigação do caso Maddie termina este ano

11 anos e 15 milhões depois, Scotland Yard vai arquivar o processo sem nenhuma acusação. 

As investigações britânicas ao desaparecimento de Maddie McCann deverão terminar este ano.

Foram 11 anos e mais de 15 milhões gastos a tentar encontrar a menina desaparecida no Algarve, a 3 de maio de 2007, no Algarve.

A Scotland Yard prepara-se, assim, para arquivar o processo sem nenhuma acusação. 

A Operação Grange foi iniciada em maio de 2011, quatro anos após o desaparecimento de Maddie e no seguimento de uma carta aberta de Kate McCann ao então primeiro-ministro David Cameron onde pedia que a polícia abrisse um inquérito.

Segundo o The Sun, os pais já foram informados do fim das investigações e garantem que não vão desistir até descobrir o que aconteceu à filha.

Um fundo criado pelos pais tem atualmente 1,1 milhões de euros.