fbpx
Select Page
Mundo

Jair Bolsonaro está disponível para ajudar Moçambique

O Presidente do Brasil afirmou que quer ajudar a população moçambicana afetada pelo ciclone Idai, declarando estar também solidário com os povos do Zimbabué e Maláui.

22 Março, 2019 - 11:00

Record TV com Lusa
REUTERS/Kevin Lamarque

“Liguei para o Presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, para prestar solidariedade ao seu país e às vítimas da devastação causada pelo ciclone Idai. Colocamo-nos à disposição no que for possível. Solidarizo-me com o povo do Zimbabué e Maláui, também atingidos pelo ciclone”, escreveu Bolsonaro no Twitter.

O número de mortos confirmados na sequência do ciclone Idai subiu para 242 em Moçambique e 139 no Zimbabué, segundo dados oficiais divulgados pela ONU.

As únicas estimativas conhecidas do Maláui continuam inalteradas, em 56 mortos e 177 feridos.

O número total de mortos na sequência do ciclone Idai sobe, assim, para 437, segundo balanços provisórios divulgados pelos respetivos governos desde segunda-feira.

PUB

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa