Menina sequestrada regressa à família após nove anos

Menina sequestrada regressa à família após nove anos
Reprodução Twitter
PUB
Leaderboard - Pub CTT Western Union

Pooja Gaud foi sequestrada em 2013 quando tinha apenas sete anos em Mumbai, na Índia. Aos 16 anos conseguiu fugir para finalmente, reencontrar a família.

Pooja Gaud tinha apenas sete anos quando foi levada à força junto do portão da escola. Uma distração do irmão mais velho deixou a menina vulnerável para ser atraída por um gelado e aparente simpatia de um casal que lho oferecia.

Corria o dia 22 de janeiro de 2013 quando, na cidade de Mumbai, na Índia, a menina foi raptada.

Nove anos após o sequestro aconteceu aquilo que já poucos acreditavam ser possível: Pooja regressou a casa.

A jovem, agora com 16 anos, regressou à família a 4 de agosto, depois de ter conseguido fugir com uma babyssiter, que tomava conta do filho dos raptores.

Pooja Gaud fi sequestrada por um casal que não tinha filhos. Inicialmente foi levada uma região longe do local de onde foi raptada e até ía à escola, como uma criança normal.

Mais tarde, o casal de raptores acabou por ter um filho, regressando a Mumbai e privando a Pooja de ir à escola e ter uma vida normal, obrigando-a a permanecer escondida em casa e a trabalhar, como uma escrava. A jovem relatou ainda a violência que sofreu durante os anos que esteve à mercê dos seus captores.

Num golpe de sorte conseguiu acesso a um dos telemóveis do casal e investigar a sua história. Sete meses depois ganhou coragem para falar do assunto e com a ajuda de uma baby-sitter que trabalhava naquela casa, conseguiu entrar em contacto com a mãe, marcar um encontro e fugir.

Uma marca de nascença fez a mãe de Pooja ter a certeza de que se trava da filha.

Acabariam por fazer queixa do casal à polícia com o homem a ficar detido acusado de sequestro, ameaças, violência física e desrespeito pelas leis de trabalho infantil.