Milhares de beagles salvos de testes clínicos nos EUA

Milhares de beagles salvos de testes clínicos nos EUA
Envato
PUB

Quase quatro mil beagles procuram novos donos após operação de resgate nos EUA. Animais iriam ser vendidos a laboratórios para serem utilizados para testes clínicos.  

A operação aconteceu no estado norte-americano de Virgínia, acreditando-se ser um dos maiores esforços de resgate de cães nos Estados Unidos.

Cerca de quatro mil beagles foram retirados de uma propriedade de uma empresa que os criava especificamente para serem vendidos a laboratórios de forma a servirem de cobaias em ensaios clínicos.  

A empresa responsável pelo negócio já tinha sido processada em maio pelo Departamento de Justiça dos EUA, acusa de atos de crueldade animal. Inspetores responsáveis pela fiscalização do local, descobriram que os animais doentes eram mortos em vez de receberem tratamentos de veterinários, mesmo em casos em que patologias apresentadas pelos cães não eram graves

A investigação deu conta ainda de que 25 cachorrinhos terão morrido de exposição ao frio.

Os animais resgatados estão agora a ser acompanhados por veterinários e irão receber vacinas antes de serem entregues para adoção responsável. Associação responsável estima cerca de 60 dias até que sejam encontradas famílias e lares definitivos para os animais.