fbpx
Select Page
Mundo

Morta a tiro pelo ex-companheiro em França

Suspeito confessou o crime.

7 Março, 2019 - 10:56

Daniela Carrilho

No passado domingo, Julie Douib, de 34 anos, foi assassinada pelo ex-marido, com quem viveu cerca de 12 anos em Ile-Rousse, em França.

Ao que se sabe, Julie e Bruno Garcia discutiam frequentemente e o homem expulsava a mulher de casa.

A última discussão aconteceu em setembro do ano passado, altura em que a vítima decidiu sair definitivamente de casa.

Atualmente, o casal estava a negociar a guarda dos dois filhos, de oito e 10 anos, sendo que os meninos viviam com o pai.

De acordo com vizinhos, Julie era vítima de violência doméstica há vários anos e que já tinha denunciado o caso por diversas vezes.

O suspeito, Bruno Garcia, tem 45 anos e tem nacionalidade francesa, sendo natural da Córsega. Foi o próprio a apresentar-se à polícia e a confessar o homicídio.

O crime está a causar muita revolta em França, que acusam as autoridades de não ter feito nada para impedir o sucedido.

No sábado irá realizar-se uma marcha silenciosa em homenagem a Julie e a todas as vítimas de violência doméstica que, este ano, já são 30 em França.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa