Quarta fuga de gás no gasoduto Nord Stream

Gasoduto Nord Stream volta a funcionar
PUB
Leaderboard - Pub CTT Western Union

Fuga foi detetada pela guarda costeira sueca.

Uma quarta fuga de gás nos gasodutos do Nord Stream, no Báltico, foi detetada pela guarda costeira da Suécia.

“Duas das quatro [fugas] estão na zona económica exclusiva da Suécia”, disse a porta-voz da guarda costeira ao jornal Svenska Dagbladet.

A fuga agora detetada ocorreu no Nord Stream 2, próximo de um buraco maior encontrado no Nord Stream 1.

As outras duas fugas estão na zona económica exclusiva dinamarquesa.

O gás está a ser derramado para o Mar Báltico desde segunda-feira.

A União Europeia já prometeu uma resposta “firme” a qualquer interrupção intencional e o Kremlin considera “sem sentido e absurdas” as acusações europeias de que a Rússia pode ser responsável pelo danos detetados nos gasodutos.