fbpx
Select Page
Mundo

Resgata netos levados para o Estado Islâmico

Crianças estavam em campos de refugiados, após Daesh ter sido desmantelado.

16 Maio, 2019 - 15:00

Virginia Galván
Reprodução Facebook

Patricio Galvèz não desistiu enquanto não conseguiu pôr os netos a salvos e levá-los consigo para a Suécia.

O músico chileno resgatou as sete crianças, com idades entre um e oito anos, que tinham sido levadas para os domínios do Estado Islâmico.

A filha de Galvèz e o seu companheiro foram dois dos muitos estrangeiros que se radicalizaram e se juntaram às fileiras do agora desfeito grupo jihadista.

Após a queda do Daesh, milhares de pessoas foram albergadas em campos de refugiados, entre elas os netos do músico.

Galvèz prometeu e cumpriu: “Não volto à Suécia sem eles”.

As crianças estavam num acampamento de refugiados na Síria e foram depois transferidas para Erbil, no Iraque, onde receberam cuidados médicos e documentos para poderem viajar para a Suécia.

Nas redes sociais, Galvèz agradeceu toda a ajuda na hercúlea tarefa de recuperar os netos.

“Agora só me resta desejar e trabalhar pela liberdade e repatriamento de todas as outras crianças retidas na Síria”, concluiu.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa