Zelensky agradece pacote de ajuda militar dos Estados Unidos

Zelensky agradece pacote de ajuda militar dos Estados Unidos
PUB

EUA enviaram pacote de ajuda de 2500 milhões de dólares.

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, agradeceu ao presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, o novo pacote de ajuda de 2.500 milhões de dólares frisando que se trata de um “apoio importante” para combater as forças russas.

“Obrigado presidente dos Estados Unidos por proporcionar à Ucrânia outro potente pacote de apoio à defesa, no valor de 2.500 milhões de dólares (cerca de 2.300 milhões de euros)”, escreveu Zelensky numa mensagem que divulgou através do Twitter. 

Os blindados Stryker, Bradley e sistemas de defesa antiaérea Avenger “são uma ajuda importante na nossa luta contra o agressor”, acrescentou. 

O Departamento de Defesa norte-americano informou através de um comunicado de que vai enviar para Kiev 59 carros de combate Bradley, 590 mísseis antitanque TOW e 295 mil munições de 25 milímetros. 

Washington vai abastecer a Ucrânia com oito sistemas de defesa antiaérea Avenger, 350 veículos Humvee, 20 mil peças de artilharia de 155 milímetros e 90 blindados Stryker, sendo que 20 estão munidos de equipamento de desminagem.

O pacote também inclui mísseis HARM, ar-terra, que se utilizam para destruir sistemas de defesa antiaérea, dois mil foguetes de artilharia anti-blindado e três milhões de munições para armas ligeiras.  

Hoje, meia centena de países, que integram o grupo de contacto da Ucrânia, reúnem-se na base norte-americana de Ramstein, na Alemanha, para decidir sobre a ajuda militar à Ucrânia.

Os pedidos de Kiev concentram-se sobretudo nos blindados Leopoard 2, de fabrico alemão.