fbpx
Select Page
Portugal

Agressora de britânica no Algarve condenada a seis anos e seis meses

Vítima foi esfaqueada e abandonada a esvair-se em sangue.

7 Maio, 2019 - 15:04

Virginia Galván

Foi condenada a seis anos e seis meses de prisão a jovem de 24 anos, indiciada pelos crimes de sequestro e ofensas à integridade física de uma britânica, em maio de 2015.

Os restantes arguidos foram ilibados, a mãe, de 40 anos, e um homem, de 22, que estavam acusados de coautoria pelos crimes de sequestro e ofensas à integridade física qualificadas

Leighanne Rumney disse em tribunal que foi persuadida a entrar num carro sob o pretexto de “falar sobre o João”, um homem que conheceu no bar onde trabalhava, no Algarve, e que seria o companheiro de Eliana Carvalho, uma das arguidas.

A britânica foi levada para um local com muita vegetação, onde ambas as arguidas a agrediram, rasgaram-lhe as roupas, cortaram-lhe o cabelo e desferiram-lhe várias facadas, deixando-a a esvair-se em sangue.

Leighanne Rumney conseguiu chegar a uma estrada e pedir ajuda, acabando por ser socorrida e transportada para o hospital.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa