António Costa cancela deslocação ao Qatar por motivos de saúde

Brasil: Costa expressou solidariedade a Lula e começaram a preparar cimeira bilateral
Lusa
PUB

Primeiro-ministro será substituído pela ministra dos Assuntos Parlamentares, que tem a tutela do Desporto.

O primeiro-ministro cancelou a sua deslocação ao Qatar para assistir na sexta-feira ao jogo da seleção portuguesa frente à Coreia do Sul, do Mundial 2022 de futebol, por motivos de saúde, disse hoje à Lusa fonte oficial do seu gabinete.

António Costa será substituído pela ministra dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, que tem a tutela do Desporto, acrescentou a mesma fonte.

Depois do triunfo face ao Gana (3-2) na ronda inaugural, Portugal venceu na segunda-feira em Lusail o Uruguai (2-0) graças a um ‘bis’ de Bruno Fernandes (54 e 90+3 minutos, o segundo de penálti), assegurando a presença nos oitavos de final da competição.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, assistiu ao jogo inaugural da seleção portuguesa, enquanto o presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva, que é a segunda figura do Estado, esteve presente na partida de segunda-feira.

A presença das principais figuras do Estado no Qatar tem motivado polémica, pelas críticas que Marcelo e Costa fizeram à violação de direitos humanos naquele país, mantendo, contudo as deslocações previstas, que, no caso do chefe do Governo foi agora cancelada, mas por motivos de saúde.