fbpx
Select Page
Portugal

Arguidos da Operação “Duo Facie” em liberdade

Advogado e funcionária das Finanças libertados com Termo de Identidade e Residência. António Taveira fica sujeito a uma caução de 20 mil euros.

16 Maio, 2019 - 14:12

Carla Pereira Dias

Os dois detidos da Operação “Duo Facie”, que investiga crimes de corrupção ativa e passiva, violação de segredo e acesso ilegítimo qualificado, foram ouvidos no Campus de Justiça em primeiro interrogatório.

A decisão do Juiz de Instrução Criminal foi conhecida ao final da tarde de ontem, quarta-feira. A funcionária da Direção das Finanças de Lisboa e o advogado António Taveira foram libertados com Termo de Identidade e Residência mas com condicionantes.

A funcionária está suspensa de funções e o advogado foi libertado perante o pagamento de uma caução de 20 mil euros. Ambos estão proibidos de realizar contactos entre si.

Os dois foram detidos na terça-feira durante uma megaoperação da Polícia Judiciária, cuja investigação é dirigida pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa do Ministério Público. Além das detenções, foram realizadas 12 buscas domiciliárias e não domiciliárias em Lisboa, Mafra, Coruche, Vendas Novas, Alcochete e Montijo.

Reveja a reportagem do Fala Portugal aqui:

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa