fbpx
Select Page
PUB

Portugal

Armando Vara livre de corrupção

Caiu o terceiro crime de corrupção imputado a Sócrates e ao antigo administrador bancário.

9 Abril, 2021 - 17:12

Virginia Galván

O juiz Ivo Rosa indicou esta tarde que o antigo administrador da CGD, Armando Vara, também não vai ser pronunciado.

“Não há indícios de pacto corruptivo” entre Sócrates, Vara e Horta e Costa, afirmou o magistrado.

Segundo o juiz, nenhum membro do Governo ou José Sócrates tiveram uma intervenção direta no financiamento de Vale do Lobo.

“Não faz sentido que Armando Vara tivesse à vontade para envolver nome do então primeiro-ministro”, referiu ainda.

 

PUB

Últimas

PUB

Slide

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa