fbpx
Select Page
Portugal

Capturado fugitivo “perigoso e violento”

Estava desaparecido desde 2017, altura em que saiu em precária. Era membro de grupo que orquestrou assalto milionário em Viana do Castelo.

9 Julho, 2020 - 16:50

Carla Pereira Dias

A Polícia Judiciária de Braga capturou um recluso em fuga desde 2017. O homem pertence a um grupo que organizou vários assaltos violentos no norte do país.

O homem de 39 anos, natural de Paços de Ferreira, cumpria uma pena de prisão de 14 anos e seis meses no Estabelecimento Prisional Lama, em Pontevedra.

Em 2017, foi-lhe concedida uma saída precária e o homem considerado “perigoso e violento” nunca regressou à prisão.

Em setembro de 2007, o homem de 39 anos liderou um dos maiores assaltos a ourivesarias em Viana do Castelo. Acompanhado de outros parceiros de crime, o grupo organizado invadiu uma conhecida ourivesaria da cidade. Fortemente armado, o grupo roubou todos os objetos de valor que conseguiu. Um assalto que provocou prejuízos à ourivesaria avaliados em várias centenas de milhares de euros.

No vasto cadastro criminal, o homem conta com condenações por crimes de falsificação ou contrafação de documento, dois crimes de homicídio qualificado na forma tentada, três crimes de ofensa à integridade física qualificada, um crime de detenção de arma proibida e um crime de roubo.

ViajeCaDentro

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa