Desacatos junto a posto da GNR de Torres Novas

GNR

GNR foi obrigada a dispersar multidão e uma pessoa foi detida.

Dezenas de pessoas tentaram ontem libertar dois homens, levados para o posto da GNR de Torres de Novas, para prestar esclarecimentos sobre documentação.

Os familiares dos homens tentaram evitar que fossem identificados e geraram-se confrontos, obrigando a GNR a dispersar o grupo.

Uma pessoa foi detida.

O Comando Geral da GNR minimiza refere que houve “apenas injúrias a militares” sem que se registasse “qualquer incidente”.