fbpx
Select Page
Portugal

Desmantelada rede que enganou Estado em quase dois milhões

Polícia Judiciária efetuou 40 buscas por fraude fiscal.

7 Novembro, 2019 - 10:45

Virginia Galván

A Polícia Judiciária desmantelou uma rede que enganou o Estado em mais de 1,8 milhões de euros.

Foram realizadas 40 buscas, na zona centro do país, por suspeitas da prática dos crimes de fraude fiscal qualificada e branqueamento.

Em comunicado, a PJ refere que “o modus operandi consistia na utilização de um circuito fictício de faturação, mediante a simulação de compras e vendas que não correspondiam a efetivas transações de bens, superiores a 10 milhões de euros”.

A atividade foi levada a cabo por diversas sociedades a operar no mercado das pedras ornamentais com recurso a “testas de ferro”, tendo permitido obter reembolsos indevidos de IVA.

Segundo a investigação,  o esquema usado permitiu “obter reembolsos indevidos de IVA superiores a 1 milhão e 800 mil euros”.

Com estes valores era adquirido património imobiliário, registado em nome de terceiros.

“Com a realização das buscas pretende-se obter elementos de prova que permitam em breve concluir o inquérito”, refere a PJ.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa