fbpx
Select Page
Portugal

Detido por auxílio à imigração ilegal

Técnico oficial de contas criava empresas fantasma para atrair cidadãos estrangeiros.

13 Fevereiro, 2020 - 12:40

Vítor Alvito

Um homem foi constituído arguido “por suspeitas da prática dos crimes de auxílio à imigração ilegal e falsificação de documentos”. Em comunicado, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) informa que a “Operação Combustível” ocorreu em Faro.

“A investigação do SEF apurou a existência de várias “empresas fantasma” que serviriam apenas de fachada para simulação de relações laborais com cidadãos oriundos do sudeste asiático e da América do sul”, acrescenta o SEF.

O processo começou depois de a embaixada de Portugal em Nova Deli ter recebido vários pedidos de vistos consulares “que se revelaram suspeitos”.

O suspeito, técnico oficial de contas, foi sujeito a termo de identidade e residência.

A investigação deste caso, iniciada pelo SEF em 2018, prossegue sob coordenação do Ministério Público de Albufeira.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa