fbpx
Select Page
Portugal

Hospital de Cascais recusa irregularidades

Nota esclarece que não há nada de errado nas práticas do Hospital de Cascais que são auditadas regularmente.

14 Maio, 2019 - 16:00

Vítor Alvito

Num comunicado enviado à Record TV, o Grupo Lusíadas nega a existência de qualquer irregularidade no que diz respeito ao falseamento de dados clínicos e do sistema de triagem da urgência.

“O Hospital de Cascais repudia e nega formalmente qualquer envolvimento no falseamento de quaisquer resultados clínicos ou de quaisquer algoritmos de sistema de triagem”, refere o Grupo.

“O Hospital de Cascais não tem conhecimento de quaisquer denúncias efetuadas por quaisquer profissionais a quaisquer entidades judiciais ou extrajudiciais”, acrescenta

No mesmo comunicado o Conselho de Administração mantém a confiança nos profissionais e garante que vai aferir se houve alguma irregularidade.

Por outro lado o Conselho de Administração do Grupo de Lusíadas lembra que “a atividade do hospital é ainda auditada anualmente pela Entidade Pública Contratante”.

De recordar que um grupo de antigos e atuais profissionais do Hospital de Cascais acusou a administração de falsear resultados clínicos e algoritmos do sistema de triagem da urgência para aumentar as receitas que são pagas à parceria público-privada, segundo uma reportagem divulgada na segunda-feira à noite, pela SIC.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa