João Ferreira falha iniciativa por indisposição

João Ferreira falha iniciativa por indisposição

Dirigente comunista “passou mal a noite” e vai realizar um teste à covid-19.

O dirigente comunista João Ferreira falhou hoje a primeira iniciativa de campanha do dia programada para São João da Talha, no concelho de Loures, porque “passou mal a noite” e vai realizar um teste à covid-19 “para despistagem”, informou fonte do PCP.

Durante a manhã João Ferreira é substituído por Bernardino Soares, ex-presidente da Câmara de Loures e antigo líder parlamentar do PCP, que já iria estar presente na ação, sendo mandatário da CDU por Lisboa.

A agenda nacional da CDU previa que João Ferreira estivesse pelas 11:00 numa ação de contacto com um empresário da restauração, num estabelecimento de São João da Talha, em Loures.

Os dirigentes comunistas João Ferreira e João Oliveira estão a substituir provisoriamente o secretário-geral do PCP na campanha para as eleições legislativas, enquanto Jerónimo de Sousa recupera de uma operação de urgência à carótida interna esquerda a que foi submetido na quinta-feira.

Nas legislativas de 2019, a Coligação Democrática Unitária (CDU) – que integra o PCP, o PEV e a Associação Intervenção Democrática – elegeu 12 deputados (dez do PCP e dois do PEV) e obteve 6,33% dos votos, ou seja, 332.473 votos (de um total de 5.251.064 votantes), menos 113.507 do que em 2015, de acordo com o Ministério da Administração Interna (MAI).