fbpx
Select Page
Portugal

Jovens portugueses são dos que mais tarde abandonam a casa dos pais

Jovens portugueses saem de casa dos progenitores, em média, aos 29 anos, muito acima do que se verifica na União Europeia.

19 Maio, 2019 - 14:09

Vânia Mateus

De acordo com dados de 2017 revelados esta terça-feira pelo Eurostat, nesse ano, em média, na União Europeia, uma em cada quatro pessoas entre os 25 e os 34 anos, ou seja, 28,5%, vivia em casa dos pais, com Portugal a registar 45,6%.

Os homens são os que deixam a casa dos pais ainda mais tarde. Em Portugal, em 2017, 50,8% de jovens adultos viviam com os pais, contra 40,5% de jovens adultas.

A Croácia é o país onde os jovens abandonam mais tarde a casa dos pais, em média, com 37,8 anos, seguindo-se Eslováquia, Malta e Itália.

No sentido inverso, a Suécia foi, em 2017, o país onde os jovens abandonaram mais cedo a casa dos progenitores, com, em média, 18,5 anos. Seguem-se Luxemburgo, Dinamarca, Finlândia, Estónia, Alemanha, França, Holanda e Reino Unido.

PUB

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa