fbpx
Select Page
Portugal

Mãe e filha detidas com malas de droga no aeroporto de Lisboa

Mulheres, de 28 e 46 anos, tentaram desviar atenções das autoridades, viajando com criança de apenas dois anos de idade.

4 Novembro, 2019 - 17:52

Carla Pereira Dias

Mãe e filha foram detidas pela Polícia Judiciária no aeroporto de Lisboa, após serem encontradas mais de 90 mil doses de cocaína no interior das malas de viagem.

As mulheres, de nacionalidade holandesa, são mãe e filha, mas, sabe a Record TV, não eram as únicas familiares a bordo do voo que tinha partido de um aeroporto de São Paulo, no Brasil. Com elas viajava também uma criança de apenas dois anos, filha da mulher mais nova.

As duas tentavam desviar as atenções das autoridades simulando uma viagem de família, que tinha como destino Lisboa. No entanto, as investigações em curso pela Polícia Judiciária em colaboração com outras polícias estrangeiras já monitorizavam os movimentos das duas mulheres.

Segundo apurámos, foi durante o desembarque que a bagagem das suspeitas holandesas foi revistada. As dúvidas foram desfeitas assim que os inspetores da PJ abriram as malas de viagem.

No interior estava uma quantidade elevada de cocaína, que daria para mais de 93.500 doses individuais. Droga que, se não fosse apreendida, não ficaria pelos circuitos ilícitos de distribuição em Portugal mas seguiria também para outros países da Europa.

Após as detenções por tráfico de droga, as duas mulheres holandesas foram ouvidas em primeiro interrogatório judicial e vão aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva.

Em situações semelhantes, é permitido que as crianças até aos três anos fiquem com os progenitores na cela, situação que acontecerá à filha de uma das suspeitas.

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa