fbpx
Select Page
Portugal

Marcelo Rebelo de Sousa: “Demitirem-se do direito de voto é um erro”

O Presidente da República votou em Celorico de Basto, como já é habitual. À saída, renovou o apelo ao voto. “Está nas mãos dos portugueses”, disse.

6 Outubro, 2019 - 16:55

Anabela Benedito

Em Cabeceiras de Basto, distrito de Braga, Marcelo Rebelo de Sousa deixou um apelo aos portugueses.

“Está nas mãos dos portugueses, votando, mostrarem que estão atentos ao mundo, atentos à Europa e atentos ao que se passa”. Demitirem-se do exercício do direito de voto, penso eu, é um erro. É legítimo, mas é um erro”, disse em declarações aos jornalistas depois de votar.

Sobre a abstenção, o chefe de Estado disse desejar que nestas eleições ficasse “claramente abaixo das Europeias” e abaixo das legislativas de 2015.

“Embora nós saibamos que há um aumento no número de eleitores no estrangeiro, mais um milhão e umas centenas de milhares, isso, naturalmente, também pesa no cálculo final da abstenção. Mas, tirando isso, era bom sinal que as pessoas votassem, dizendo eu estou atento, eu quero intervir, eu estou preocupado com os próximos anos de Portugal”, referiu o Presidente da República.

PUB

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa