Ministra admite problemas estruturais no SNS

Ministra admite problemas estruturais no SNS

André Ventura desafiou Marta Temido a demitir-se se não conseguir resolver o “caos” nas urgências.

A ministra da Saúde, que está hoje a ser ouvida no Parlamento, admitiu problemas estruturais no SNS.

Na abertura do debate, André Ventura desafiou a ministra a demitir-se se não conseguir resolver o “caos” nas urgências.

A falta de médicos tem obrigados ao encerramento de urgências de Obstetrícia e Ginecologia em vários hospitais do País. 

As Urgências de Ginecologia-Obstetrícia dos hospitais de Braga, Santarém e de Loures estiveram encerradas até às 8:00 de segunda-feira. Também o hospital São Francisco Xavier (Lisboa), do Centro Hospitalar Barreiro-Montijo e do Garcia de Orta (Almada), enfrentaram problemas nas urgências. O Serviço de Urgência de Obstetrícia do hospital de Braga vai voltar a encerrar amanhã.

Os sindicatos dos médicos consideraram ontem “inaceitável” a proposta apresentada pelo Ministério da Saúde sobre a atualização salarial dos clínicos em Serviço de Urgência.

De acordo com a proposta, os médicos só receberiam mais por cada hora extra para lá do limite anual de 150 a que estão obrigados por lei.