Morto por sem-abrigo no Porto

Morto por sem-abrigo no Porto
PUB

Homem foi em auxílio de uma turista e acabou mortalmente agredido.

Um homem, de 63 anos, foi morto por um sem-abrigo, no Porto.

Carlos Rocha foi em auxílio de uma mulher francesa, que estava a ser ameaçada pelo sem-abrigo, e acabou agredido por um paralelo.

O homem foi transportado pelo INEM para o hospital, onde acabaria por morrer cinco dias depois.

Carlos Rocha deixa mulher e dois filhos.

O sem-abrigo terá problemas psiquiátricos e um historial agressivo. 

Ficou em prisão preventiva.