fbpx
Select Page
PUB

Portugal

Primo de José Sócrates não vai a julgamento

Rui Mão de Ferro, Sofia Fava e João Perna também não vão ser julgados no âmbito da Operação Marquês.

9 Abril, 2021 - 15:25

Daniela Carrilho

Na leitura da decisão instrutória relativa à Operação Marquês, o juiz Ivo Rosa anunciou que vão cair os dois crimes de branqueamento de capitais de José Paulo Pinto de Sousa. Por isso, o primo de José Sócrates não irá a julgamento.

Também Rui Mão de Ferro, sócio administrador e gerente de diversas empresas, não irá ser julgado por um crime de branqueamento de capitais e quatro crimes de falsificação de documentos, tendo o juiz anulado a acusação.

Ivo Rosa anunciou que os dois crimes de falsificação de documentos imputados a Carlos Santos Silva e José Sócrates também vão cair. Ivo Rosa entende que o juiz Carlos Alexandre não poderia ter autorizado uma diligência feita junto do Banco de Portugal relativa ao Regime Excecional de Regularização Tributária.

Sofia Fava, ex-mulher de José Sócrates; Inês do Rosário, mulher de Carlos Santos Silva; José Luís Ribeiro dos Santos – da XML, empresa de Santos Silva; e o motorista de Sócrates, João Perna também não seguem para julgamento.

PUB

Últimas

PUB

Slide

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Record TV Europa