fbpx
Select Page
Portugal

Prisão preventiva para suspeito de disparar sobre a mulher

Vítima foi atingida na nuca com um tiro, em Bragança.

11 Abril, 2019 - 15:05

Record TV com Lusa

O tribunal de Bragança decretou hoje a prisão preventiva do suspeito de ter disparado sobre a mulher, ambos de nacionalidade chinesa, na noite de terça-feira, informou fonte judicial.

O homem de 59 anos foi hoje presente a tribunal para aplicação das medidas de coação, numa audiência que durou menos duas horas, e vai aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva.

A vítima de 53 anos foi atingida na nuca com um disparo próximo de uma arma adaptada, mas teve alta hospitalar depois de tratada e sido observada no hospital de Bragança.

O caso ocorreu na noite de terça-feira na residência do casal chinês, comerciantes, que vivem em Bragança há 16 anos.

As autoridades descreveram o caso como de “violência doméstica”, embora não houvesse histórico de conflitos relacionado com este casal.

A PSP de Bragança foi alertada, pelas 22:30 de terça-feira, pela Unidade Local de Saúde (ULS) do Nordeste para a entrada na urgência de uma mulher com um tiro na nuca.

A mulher de 53 foi atingida na cabeça “com um disparo próximo de uma arma adaptada”, como explicou, naquela ocasião, o comandante José Neto.

José Neto esclareceu que “a vítima ajudou a perceber a situação” e o testemunho levou as autoridades ao marido, de 59 anos, que foi detido junto à residência.

Advertisements

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa