Tribunal de Contas vai fazer auditoria à TAP

Greve na TAP desconvocada
PUB

O anúncio foi feito pelo presidente do tribunal, José Tavares, durante uma audição na Comissão de Orçamento e Finanças, no Parlamento.

Em causa estão as notícias que têm vindo a público sobre a companhia aérea, nomeadamente a polémica com Alexandra Reis, que levou ao afastamento da secretária de Estado e do ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos.

De recordar que a ex-secretária de Estado recebeu uma indemnização de 500 mil euros pela saída antecipada da companhia aérea, tendo mais tarde ingressado no Governo.

Também a presidente executiva da TAP, Christine Ourmières-Widener, vai ao Parlamento amanhã para dar explicações sobre o caso.