fbpx
Select Page
Portugal

Vizinhos dão novos detalhes no julgamento do homicídio de Luís Grilo

Quarta sessão do julgamento terminou com a audição de 18 testemunhas. Dia fica marcado por novas contradições às declarações de Rosa Grilo.

1 Outubro, 2019 - 18:40

Diana Rosa Rodrigues

Decorreu hoje a quarta sessão do julgamento do homicídio de Luís Grilo no Tribunal de Loures. A sessão ficou marcada pela audição de várias testemunhas de acusação e ainda novos depoimentos de Rosa Grilo e do amante António Joaquim.

Nova sessão do julgamento do homicídio do triatleta e novos desenvolvimentos para o caso. Durante o dia foram ouvidas várias testemunhas com vizinhos de Rosa Grilo a divulgarem novos detalhes.

Uma vizinha explicou em tribunal que Rosa Grilo terá limpado a bagageira do carro do casal e a garagem da habitação onde viviam dias antes do desaparecimento do triatleta, declarações que a defesa da arguida desvaloriza, explicando que foi realizada uma peritagem ao veículo mencionado.

Tanto Rosa Grilo como António Joaquim pediram para falar em tribunal, ainda que a presidente do coletivo de juízes não tenha aceitado o depoimento da mulher.

Numa declaração curta, António Joaquim explicou que enviou uma sms a um colega e até realizou pesquisas na Internet na noite de dia 15 de julho do ano passado. A defesa quer provar que o amante de Rosa Grilo esteve em casa com os filhos na noite em que o triatleta terá morrido.

Durante o dia de hoje foram ouvidas pelo tribunal de Loures 18 testemunhas. Para a próxima terça-feira está marcada a audição de mais 16 pessoas.

PUB

Últimas

SHARE RECORD TV MAGAZINE

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa