PUB

O primeiro passo é marcar um dia na agenda para pôr mãos à obra… depois segue-se a fase do chamado “destralhar”. Rafaela Garcez, consultora de organização e essencialismo diz que devemos “começar por fazer uma grande seleção do que queremos manter e separar tudo aquilo que já serviu o seu propósito”, que é como quem diz “o que não nos serve e o que já não está em condições de uso.”

Este é também o momento ideal para lavar e ver se há peças que precisam de ir a uma costureira. Se já fez um ‘check‘ neste passo, pode continuar para o seguinte.

Ola, outono! Ola, casa arrumada!_2
Rafaela Garcez é consultora de organização e essencialismo | © Record TV Europa

Organizar o armário

Rafaela diz que é “imperativo” repensar o espaço. Espreitámos o armário da consultora, que nos foi explicando que “tudo o que é da estação outono/inverno deve ficar numa área do armário de melhor acesso. As roupas de praia e as que não vamos usar nos próximos tempos, devem ser colocadas nas divisões do armário menos acessíveis, até mesmo dentro de caixas”. Pendurados e, se possível, em cabides iguais, devem ficar casacos e peças que se amarrotam mais facilmente.

Nas gavetas, Rafaela optou por criar divisões com caixas para guardar as peças mais soltas, como lenços, luvas e roupa interior. Estão organizadas sempre na vertical “para ter uma perceção real do que há no armário e facilitar as escolhas”.

Ola, outono! Ola, casa arrumada!_2
Cabides iguais, caixas para separar ‘peças soltas’ e roupas organizadas por utilidades e cores são sugestões para a arrumação do armário do quarto | © Record TV Europa

Organização perfeita dos têxteis para o lar

Guardar toalhas de mesa e de banho e os lençóis num armário também tem o seu truque. As dobras interiores destes atoalhados devem ficar contra a parede.

Finalize a arrumação por cores e tamanhos “para criar menos ruído visual”.

Ola, outono! Ola, casa arrumada!_10
Exemplo de arrumação de têxteis para o lar | © Record TV Europa

Diga ‘não’ à despensa desarrumada

Manter a cozinha arrumada e a despensa organizada é um dos serviços mais procurados pelos clientes de Rafaela Garcez.

“É muito comum deixarmos os alimentos passar do prazo e, na seleção, podemos desde logo separar o que está aproximar-se do fim de vida e fazer, por exemplo, um lanche ou um jantar com amigos para evitar o desperdício”, sugere.

Após termos feito a ‘limpeza’ aos armários de cozinha, é hora de os arrumar… mas de forma prática. Para isso, “use e abuse de frascos de vidro para guardar massas, arroz, grãos, cereais e granola”.

Ola, outono! Ola, casa arrumada!_2
Use frascos de vidro para organizar a despensa | © Record TV Europa

“Além de eliminarmos as embalagens excessivamente coloridas, temos uma melhor noção do que temos e das quantidades que há”, acrescenta. O interior dos armários da cozinha da consultora é aproveitado para organizar as especiarias em fila. E mais uma vez, o truque para uma melhor organização está no recurso a caixas, que separam os alimentos por categorias (desde os enlatados aos cereais).

Lembra a perita que “para tudo na vida é preciso manutenção, até mesmo para a organização”. Há que, por isso, fazer uma seleção regular para evitar a desarrumação.

FONTE© Envato