fbpx
Select Page

Em setembro do ano passado, o Tribunal do Seixal recebeu provas de que Pedro Henriques agredia a filha de dois anos. Todos os indícios e ameaças de morte denunciados pela mãe da bebé terão sido arquivados por falta de evidências.

Advertisements

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa