fbpx
Select Page

Termina já no próximo ano o contrato de concessão do serviço postal universal, atualmente nas mãos dos CTT.
A empresa foi privatizada em 2014 e em cinco anos levou a cabo um conjunto de encerramento de estações que deixou 33 concelhos sem este serviço.
Na maioria dos casos os correios estão a ser assegurados em lojas, papelarias ou até mesmo mercearias. 2018 foi o ano mais negro, com 70 encerramentos por todo o país, com destaque para o interior, que se diz cada vez mais esquecido.
‘Próximo encerramento’ é a reportagem especial desta semana.

 

Advertisements

Receba a nossa Newsletter

Record TV Europa