Helicóptero de combate a incêndios cai em Amares

Helicóptero de combate a incêndios cai em Amares
PUB
Leaderboard - Pub CTT Western Union

Piloto “não corre risco de vida mas é ferido grave”.

Um helicóptero que estava a combater um incêndio no concelho de Amares, distrito de Braga, despenhou-se ao final da tarde de ontem na freguesia de Caldelas, disse à agência Lusa o autarca local.

Segundo o presidente da Câmara de Amares, Manuel Moreira, que se encontra próximo da zona do acidente, o aparelho caiu na União de Freguesias de Paranhos e Caldelas, na localidade de Real, quando combatia um incêndio no concelho.

Fontes de socorro adiantaram à Lusa que o aparelho terá colidido com um “cabo de alta tensão”.

Fonte do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) disse à Lusa que hoje estará uma equipa no local para dar início às investigações”.

Piloto em estado grave

O piloto do helicóptero “encontra-se em estado grave e a caminho do Hospital de Braga, não correndo risco de vida”, segundo a Proteção Civil.

Em declarações à agência Lusa, o comandante Pedro Araújo, da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEP), explicou que o piloto “está fora de perigo de vida”, sublinhando, no entanto, tratar-se “de um ferido grave, com várias lesões e fraturas, nomeadamente ao nível dos membros inferiores e da zona pélvica”.

Segundo este operacional, o piloto, que se encontra “consciente e colaborante”, foi transportado para o Hospital de Braga.