Suspeito de ameaçar Marcelo fica em prisão preventiva

Suspeito de ameaçar Marcelo fica em prisão preventiva
EKATERINA BOLOVTSOVA Pexels.com
PUB

Marco Aragão vai aguardar julgamento no hospital prisional de Caxias, em Oeiras.

Ficou em prisão preventiva o homem que ameaçou de morte o Presidente da República. Marco Aragão foi hoje ouvido em tribunal, tendo sido decretado que irá aguardar julgamento no hospital prisional de Caxias, em Oeiras. O homem terá de realizar exames de médicos de forma a perceber e determinar eventuais problemas de saúde mental. 

O antigo oficial do exército foi detido na passada terça-feira, suspeito de planear um atentado contra Marcelo Rebelo de Sousa. Marco Aragão enviou, em outubro, uma carta para o Presidente da República que continha uma bala e uma ameaça escrita.

O indivíduo já tinha antecedentes criminais.